Amor, acho que nunca nem vi

Amor, nem sei exatamente o que é. Acreditei um dia ter sentido, na verdade nem sei se é um sentimento ou uma palavra banal que alguém diz sentir. Os clichês românticos nos dizem que o amor existe e está aí para quem quiser viver, quem não acredita no amor terá mais dificuldade para encontrá-lo. E quem está procurando por acaso está conseguindo encontrar? Eis a pergunta que muitas pessoas fazem. A resposta é particular, cada um sabe dar a resposta mais digna.
Amor, tenho por meu café de cada manhã, por minha playlist de cada dia, por meu salário que cai na conta, por meus filmes preferidos, por pessoas mais próximas, pelo próximo, por minha família, por Deus, por meus livros da estante, por um clima frio, por memes, por uma boa e sincera escrita.
Amor, sinto por minha pessoa, pelo ser humano que sou, por minha trajetória de vida, meus aprendizados, meus sonhos.
Amor, cada um tem a sua vivência e interpretação dele. Amor, nem sei exatamente o que é, mas dou os meus significados mais genuínos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s